Cabeças de Pastel


Chocolatidades
8 de abril de 2010, 03:18
Filed under: cronicozinha

A páscoa passou, a comilança de páscoa também… E aqui vos escreve eu, que estou mais gordo e ligeiramente enjoado de chocolate depois da única época do ano em que coelhos botam ovos!

Eu adoro chocolate, creio que quase todo ser humano goste bastante! Mas também acho bastante enjoativo depois de comer uma certa quantidade… O que é complicado quando essa delicinha é o presente mais comum do feriado!

Quando eu já não aguento mais comer os ovos, resolvo fazer alguma outra coisa deles (ou empurrar pra alguém), e aproveitando o friozinho que vem fazendo, a minha escolha preferida vem sendo chocolate quente!

O jeito que eu faço com o ovo é popularmente conhecido como “submarino”, é só esquentar leite e jogar o chocolate dentro pra derreter, mas obviamente, pedaços menores derretem mais rápido… É fácil e fica uma delicia! 😉

Anúncios


Vini resenha: Bolo Duo Paixão da Dr. Oetker
8 de abril de 2010, 03:13
Filed under: doces, sobremesas, Vini resenha

A idéia é bastante convidativa: Um bolo quentinho de baunilha com uma cobertura quentinha e cremosa de chocolate, basta seguir os passos da caixinha e pronto! O pior é que no final das contas, é tão simples quanto parece! E ainda fica gostoso! Certo, tem aquele gosto de bolo de caixinha, do qual eu pessoalmente não sou fã (aquele gosto de “eu comprei isso quase pronto e disse que fiz sozinho pra impressionar a sogra”), tanto na massa quanto na cobertura, mas creio eu que esse seja o gostinho mágico da química que faz essas coisas durarem mais que as feitas em casa do zero… De qualquer forma, é sim gostoso, e é sim fácil; recomendado pra se tentar num dia mais friozinho! 😉



Vini resenha: Lasanha de Calabresa Sadia
15 de março de 2010, 12:56
Filed under: salgados, Vini resenha

Vendo agora o título do texto, parece que estou falando de uma lasanha livre de doenças né? :B Morei 2 anos e meio sozinho (e o outro meio do ultimo ano não foi sozinho, mas foi com meu irmão, o que nesse caso, da na mesma), experiência que me tornou um grande aventureiro na parte de comida congelada dos supermercados! Lasanha congelada rapidamente se tornou uma favorita, já que tinha menos gosto de conservante que o normal! Após passar por muitos sabores, acabei cruzando meu caminho com a tal lasanha de calabresa! Levemente picante e bem temperada, a lasanha tem um gosto forte, mas nem por isso ruim, pelo contrário, é provavelmente o prato de comida comprada pronta mais bacana no qual já enfiei os dentes! Meu único problema é que eu estava sem microondas e sem forno uma época, e a embalagem da lasanha não é banho-maria friendly :<, mas ainda assim, é uma compra recomendada num dia de preguiça ou gordice!



Piquenique!
3 de março de 2010, 19:10
Filed under: cronicozinha, lanches, salgados, sobremesas

Eu e a Isa estamos pensando em fazer um grande post (ou uma série de posts) sobre piqueniques! Juntar os amigos, comer ao ar livre, sofrer o castigo dos elementos da natureza! É uma experiência incrível!

Eu, ela e Nall, nossa japaronga de estimação, fizemos um teste para ver como os piqueniques funcionam no mundo real antes de efetivamente criar todo um post em cima disso… Fizemos as comidinhas (tudo comível com as mãos, obrigado), preparamos nossas coisas e fomos a um parque super bonitinho que tem aqui na cidade (chamado Itanhangá)!

A escolha dos pratos se mostrou coerente, tudo o que levamos não dava trabalho de se comer e produzia pouco lixo, deixando tudo mais prático e mantendo o foco no objetivo que tínhamos no dia: Diversão!

O maior problema foi que aquele papo das formigas que rola nos desenhos animados é bem menos fantasioso do que parece… Ainda mais num lugar cheio de plantas igual ao que escolhemos… Vamos testar algumas formas de afastar insetos sem necessariamente ter que recorrer a repelentes (não sei vocês, mas eu acho péssimo!)

Algumas dicas de piquinique:

-Comidas que não dêem trabalho par comer, de preferência, tudo poder ser comido com a mão!

-Não exagere nas quantidades, depois de um dia divertido é uma porcaria carregar restos…

-Não jogue lixo no lugar, se não tiver cestas de lixo no lugar escolhido, leve uma sacolinha ou algo assim.

-Dê preferência a coisas que fiquem boas em temperatura ambiente, a natureza não tem microondas/geladeira e isopores não fazem milagres!



Vini resenha: Água-de-coco em pó Camp
1 de março de 2010, 06:08
Filed under: bebidas, Vini resenha

Imagem tirada do site da General Brands

Parece uma ótima idéia, não?! Água-de-coco geladinha sempre que você quiser, bastando misturar um pózinho miraculoso com água! Viva a ciência! Viva a tecnologia! Viva a Camp! A cor e o cheiro de fato lembram a água de coco original, aquela que vem de… Bom, cocos! O sabor também é bastante similar a não ser por um desastroso detalhe: Como costumam fazer em produtos de baixa caloria (não, não comprei por isso, comprei por gostar de água-de-coco), eles colocam uma quantidade generosa (para não dizer exagerada) de adocante… No fim, temos uma água-de-coco hiper-adoçada. Séria ótima e muito parecida com a original, não fosse esse pequenino detalhe que pra mim, estraga a coisa toda!



Receita: BLT
21 de fevereiro de 2010, 23:12
Filed under: lanches, receitas, salgados

Não! Não se trata de “Bissexuais, Lésbicas e Transgêneros”! BLT é uma sigla em inglês para “bacon, lettuce and tomato” ou traduzindo, “bacon, alface e tomate”! É um sanduíche muito popular pra lá do equador que a Isa comeu em Sampa e resolveu replicar a receita para o blog. O mais interessante é que apesar do principal recheio ser o bacon, o sanduíche não fica absurdamente salgado ou gorduroso… Admito que recebi a idéia com desconfiança, e me mantive desconfiando até provar o troço e ver que de fato, é uma delícia! É basicamente um sanduíche feito com pão levemente tostado (a gente usou o forno, mas torradeira também deve funfar), bacon frito (a gente tirou o máximo que conseguiu da gordura com papel absorvente), tomate e alface! O tempero mais comum é maionese, a gente temperou a nossa com um pouco de mostarda e mel, mas a gente é fresco… Maionese pura normal funciona bem o suficiente! Nem vou colocar a receita de forma mais detalhada porque acreditem, é só isso mesmo! E provem, a satisfação (e a gula) é garantida! =)

Que vontade… 😥



Receita: Cachorro-Quente
26 de janeiro de 2010, 18:41
Filed under: lanches, receitas, salgados

Não! Não morremos! Embora a Isa esteja perto disso por abusar do pecado da gula (mas nem dá nada, se ela morrer a gente enterra :P). E eu vou postar algo que não tínhamos postando antes aqui, embora fizesse parte do plano inicial), uma receita!

.

Eu não sei onde minha mãe e a mãe da Thaty aprenderam a fazer cachorro-quente, mas em certo momento da minha existência, eu resolvi fazer um mix das duas receitas… Não vou dizer que eu inventei porquê molho de cachorro-quente não é algo lá muito extraordinário de se fazer, mas eu não li em lugar nenhum e quem comeu gostou bastante! Então, vamos à receita!

.

Ingredientes:

3 tomates

1 cebola

2 dentes de alho

1 pimentão verde pequeno

1 lata de molho de tomate

mesma quantidade em água

salsichas (usamos uma bandeja)

ketchup a gosto

mostarda a gosto

sal

pimenta do reino

óleo

.

Preparo:

Pique os tomates, a cebola, o alho, e o pimentão em cubinhos bem pequenos; refogue a cebola e o alho picado até ficarem dourados, e depois acrescentar os tomates e o pimentão e refogar mais um pouco, pro tomate soltar líquido e talz. Acrescentar o molho pronto e a água e deixar cozinhar. Certo, você poderia usar só o molho pronto e ser feliz, mas os tomates frescos dão um sabor muito melhor na minha opinião, do que só o molho comprado =). Deixar ferver e depois temperar com sal, pimenta do reino, ketchup (sim, no molho mesmo) e mostarda a gosto… Geralmente eu curto ter na geladeira um vidro de mostarda forte, que eu uso pra temperar as coisas… Quando eu uso dessas, geralmente é uma colher de sopa… Aí é só deixar dar uma fervida! Eu cozinho a salsicha no próprio molho… Corto-as em 4 (um corte horizontal e um vertical), mas acho que a forma de cortar não altera lá grande coisa. Fizemos com pães grandes para Hot-dog e comemos seis, sobrou algum molho, mas o suficiente para só 1 ou 2 cachorros quentes. Se quiser usar maionese, mostarda, ketchup, milho verde, batata frita ou sei lá o que, fique a vontade, embora eu pessoalmente não seja muito fã… =)